Letra da Música

O frio que eu andei, foi por um sacrifício
Os corre que eu dei, foi pra um bem natalino

Eu faço o frio virar gelo, só pra derreter
Pensar em desistir, em fria, prefiro correr

Esse é o melhor momento só pra chorar
De baixo das neves, o sentimento vou atolar

Na neblina quis sair por cima, dar uma sumida
Não bate na porta, "nóiz" ta em zona natalina

É hora de chorar, ser forte como mármore
Eu vivo a raiz, ninguém acerta minha árvore

E a raiva que eu sinto nesse dia economizo
Todas mágoas, todas lágrimas, levo pro lixo!

Luzes, verde gritante, azul suante
Amarelo almejante, vermelho de sangue

Que caiu em mim esse ano, fiquei de pé
tem várias luzes, só falta tu escolher qual tu é

Feliz natal pra ti, feliz natal pros irmão!
O ódio ficou rico, empobreceu a compaixão
Feliz natal pros irmão!

Eu aguentei esse ano, já tava pensando em desistir
Momentos vão passando, ou começamos a fugir?
Feliz natal pros irmão!

A raiva só insulta, quando não da pra acalmar
E as namoradas? Peraí tia, deixa eu gravar

Mais lágrimas que caem, é péssimo sentir
Significa que mais pessoas, irão desistir

O frio congelou minha alma e sentimento
Não posso dar perdão, se nem eu tenho

Meus sentimentos vão embora, não fica
Eles acendem a apagam, tipo pisca pisca

Solta faísca, dependendo da distância
sai quem quer, mas fica a ganância

Deixa calmo como tá
A fera destruiu o mundo, quem quer acordar?

Um guerreiro, aprende a beijar o chão
Botar fé que ele é a mudança, eu sou a participação

Não interrompe se o sistema rompe
Ainda há quem na beira do lago se corrompe
Achar meus sentimentos é tipo esconde esconde

Feliz natal pra ti, feliz natal pros irmão!
O ódio ficou rico, empobreceu a compaixão
Feliz natal pros irmão!

Eu aguentei esse ano, já tava pensando em desistir
Momentos vão passando, ou começamos a fugir?
Feliz natal pros irmão!

O ano se foi, não achamos nossos heróis
O meu ódio é tão quente quanto os sóis

O forte aprende tudo, o tudo ensina o forte
Cada ano, me aproximo com orgulho dessa morte

E eu não pedi presente, muito menos renda
Pedi pra que meu sonho seja oferenda

Acredito em um mundo bem feito, é claro defeito
Mas é ele que deixa o mundo perfeito

Se o amor que tu vê é matar pela vida
Não sei quem amo, o natal não era alegria?

Parece que o mundo se transformou na Tv


A sabedoria me deu sacrifício pelo sabor
E se eu amo, não vem ao caso, é se eu sei o que é amor

Eu coloco a minha cara no meu trampo
Já que pedi de natal, o sonho realizando

Feliz natal pra ti, feliz natal pros irmão!
O ódio ficou rico, empobreceu a compaixão
Feliz natal pros irmão!

Eu aguentei esse ano, já tava pensando em desistir
Momentos vão passando, ou começamos a fugir?
Feliz natal pros irmão!